Tweet

Alguns videos !

Loading...

Pesquisar este blog

19/01/2010

Hetfield fala sobre músicas do Metallica usadas para tortura

Segundo matéria publicada pela Spiegel Online, músicas de diversos artistas, incluindo Metallica, são usadas por interrogadores militares dos Estados Unidos contra prisioneiros do Camp Delta em Guantanamo. A respeito desse assunto, James Hetfield, vocalista do Metallica, afirmou em entrevistas que não vê muitos problemas em saber que sua música está sendo usada para torturar prisioneiros.

"As pessoas assumem que nós devemos nos sentir ofendidos que alguém no exército ache que nossa música é irritante o suficiente para que, quando tocada repetidamente, ela possa causar um surto psicológico em alguma pessoas", disse. "Eu tomo isso como uma honra, pensar que talvez nossa música possa ser usada para evitar outro ataque como de 11 de Setembro ou algo assim".

Há provavelmente uma dose de patriotismo em suas colocações. Hetfield se vê como alguém que está ajudando as tropas americanas a vencer o inimigo. Mas isto também reflete uma peculiar forma de orgulho de sua criação. "Nós estamos punindo nossos pais, nossas esposas, nossas pessoas amadas com esta música desde sempre. Por que os iraquianos deveriam ser diferentes?", disse ele. "Parte de mim está orgulhoso porque eles escolheram o Metallica!"

Na verdade, o metal, mais do que qualquer outro estilo de música, é um produto direto do inferno jovem, música que fala sobre as angústias e dor de ser um jovem. Para muito fãs, ir a shows de metal é também uma forma de provar a eles próprios que eles podem aguentar a música, não importa o quão duro seja. Em interrogatórios, as mesas são viradas, e os prisioneiros são forçados a ultrapassarem seus limites de tolerável.

A matéria completa, em inglês, pode ser lida clicando aqui.

Nenhum comentário:

Postar um comentário